<$BlogRSDUrl$>

21 março 2004

Os estrangeiros sabem sempre mais História que os nacionais

Num dia de aulas, numa escola secundária dos E.U.A., a professora apresenta aos alunos um novo colega, Sakiro Suzuki, do Japão.

A aula começa e a professora pergunta: "Vamos ver quem conhece a história americana. Quem disse: 'Dê-me a liberdade ou a morte'?"

Silêncio total na sala. Apenas Suzuki levanta a mão: "Patrick Henry em 1775 em Filadélfia".

"Muito bem, Suzuki. E quem disse: 'O Estado é o povo, e o povo não pode afundar-se'?"

Suzuki levanta-se: "Abraham Lincoln em 1863 em Washington".

A professora olha os alunos e diz: "Não têm vergonha? Suzuki é japonês e sabe mais sobre a história americana que vocês!"

Então, ouve-se uma voz baixinha, lá ao fundo: "Vai apanhar no cu, japonês de merda!"

"Quem foi?", grita a professora.

Suzuki levanta a mão e sem esperar, responde: "General McArthur em 1942 em Guadalcanal, e Lee Iacocca em 1982 na Assembleia Geral da Chrysler".

A turma fica super silenciosa, apenas se ouve do fundo da sala:
"Acho que vou vomitar".

A professora grita: "Quem foi?"

E Suzuki responde: "George Bush senior ao primeiro-ministro Tanaka durante um almoço, em Tokio, em 1991".

Um dos alunos levanta-se e grita: "Chupa-me o car...!"

E a professora irritada: "Acabou-se! Quem foi agora?"

E Suzuki, sem hesitações: "Bill Clinton à Mónica Lewinsky, no Sala Oval da Casa Branca, em Washington, em 1997."

E outro aluno levanta-se e grita: "Suzuki é um pedaço de merda!"

E Suzuki responde: "Valentino Rossi no Grande Prémio de Moto no Rio de Janeiro em 2002".

A turma fica histérica, a professora desmaia, a porta abre-se e entra o director que diz: "Que grande Merda, nunca vi uma confusão destas."

Suzuki: "Manuel Durão Barroso à ministra de finanças Manuela Ferreira Leite na apresentação do orçamento de Estado, em Lisboa, em 2003".


Sakiro Suzuki enviou-nos esta mensagem, para o nosso e-mail.

Diz a notícia...

Para fazer face às frotas espanholas
Portas garante reforço da vigilância marítima para combater pesca ilegal


Faz sentido... "reforçar a vigilância e fazer cumprir os acordos bilaterais", agora que o governo em Espanha é do PSOE e não do PP!!!
Coincidências que se registam.

11 março 2004

Bananal Sem Tomates
2 - Interpretando o sentimento mais profundo da população

No país das bananas-light, onde não abundam os tomates, existia há muito tempo atrás, um líder acusado por muitos de ser um ditador.
Ele apregoava que o Bananal Sem Tomates era regido pelo tríptico "Deus, Pátria, Família". O povo convencia-se que era mais "Fado, Fátima e Futebol".
Os bananezes sem tomates até foram enviados para uma guerra, dirigidos por uma célebre frase, que até virou canção do Top 10 do Regime: "A colónia é nossa".
O tempo passou e agora Bananal Sem Tomates tem outros líderes... eleitos pela população. Mas a coincidência é que estes também "interpretam os sentimentos mais profundos da população".
Por isso, adoptam medidas que conduzem ao despedimento de milhares de trabalhadores, mandam militares ou para-militares para um país longínquo e estranho, degradam os serviços de saúde e educação, aumentam os impostos para que os seus ordenados não sejam postos em causa, controlam a comunicação social do Estado. O seu primeiro-ministro até já falou numa inicativa partidária de um partido do país vizinho em nome do povo bananês... e ainda... decretou luto nacional quando um atentado bombista perpetrado por um grupo terrorista internacional ceifou a vida de centenas de pessoas no país vizinho e pôs em causa a política belicista do respectivo líder.
Os bananezes já se questionam se o seu líder os está a levar para a anexação ao vizinho, invocando "o sentimento mais profundo da população".

(Este capítulo do Romance Histórico baseado na saga do Bananal Sem Tomates é da autoria do incrépido Maníaco Sem Raiva)

07 março 2004

Redução de tempo de internamento hospitalar

Finalmente uma boa justificação!!!
Arlindo Aroso disse hoje na RTP que uma das vantagens é reduzir a possibilidade de o doente ser contaminado por bactérias multi-resistentes. BRAVOOOOO!!! Nem o Ministro se lembraria de uma dessas!!!

Por isso, nós aplaudimos e tiramos as nossas inevitáveis conclusões:
O GOVERNO VAI ESTUDAR A FORMA DE OPERAR TODOS OS DOENTES NOS RESPECTIVOS DOMICÍLIOS, para eliminar a possibilidade de contágio por bactérias multi-resistentes.

06 março 2004

Frases inesquecíveis

"DEMOCRACIA É... a ditadura dos representantes eleitos por um grupo maioritário de eleitores num determinado instante da história."

Proferida por um Anónimo, durante um jantar na Capital.
Notas da blgosfera internacional

Chama-se Face of Angel - Love of a Witch e é uma sã descoberta. Eis um exemplo e a entrada directa no nosso blogódromo, exposto à direita do ecran.

PERGUNTAS DE DÚVIDAS CURIOSAS

- Porque laranja chama laranja e limão não chama verde?
- Porque lojas abertas 24 horas possuem fechadura?
- Porque que quem trabalha no mar se chama marujo? Então quem trabalha no ar deveria ser Araújo, ok?
- Porque "separado" se escreve tudo junto e "tudo junto" se escreve separado?
- Porque os kamikazes usavam capacete? (BOA !!)
- Porque se deve usar agulha esterilizada para injeção letal em um condenado a morte?
- Como que os cegos sabem quando terminaram de se limpar quando estão no banheiro? ( Essa é fantástica!!!!!)
- Para que serve o bolso em um pijama ?? ( Muito Boa)
- Porque os aviões não são fabricados com o mesmo material usado nas suas caixas pretas?(BOA !!).
- Por que o Pato Donald depois do banho sai com uma toalha em volta da cintura, se ele não usa short no desenho?
- Se o super homem é tão inteligente, porque usa a cueca por fora da calça?
- O Pluto e o Pateta são cachorros certo? Por que o Pateta fala e o Pluto não?
- Por que tem gente que acorda os outros para perguntar se estavam dormindo?
- Por que os Flintstones comemoravam o Natal se eles viviam numa época antes de Cristo?
- Por que os filmes de batalhas espaciais tem explosões tão barulhentas....se o som não se propaga no vácuo?
- Por que aquele filme c/ Kevin Costner se chama "Dança com Lobos" se só aparece um único lobo durante toda estória?
- Por que as mulheres abrem a boca quando estão passando algum creme no rosto?
- Como é que a gente sabe que a carne de chester é de chester se nunca ninguém viu um chester?
- Se o vinho é líquido, como pode ser seco?
- Como se escreve zero em algarismos romanos?
- Por que as pessoas apertam o controle remoto com mais força, quando a pilha está fraca?
- O instituto que emite os certificados de qualidade ISO9000 tem qualidade certificada por quem?
- Quando inventaram o relógio, como sabiam que horas eram, para poder acertá-lo?
- Se a ciência consegue desvendar até os mistérios do DNA, porque ninguém descobriu ainda a fórmula da Coca-Cola?
- Por que quando você pára no sinal vermelho, tem sempre alguém no carro do lado com o dedo no nariz?
- Se depois do banho estamos limpos porque lavamos a toalha?
- Como foi que a placa "É Proibido Pisar Na Grama" foi colocada??
- Por que quando alguém nos pede que ajudemos a procurar um objeto perdido, temos a mania de perguntar: "Onde foi que você o perdeu"?
- E por último, mas não menos importante...SE OS HOMENS SÃO TODOS IGUAIS, POR QUE AS MULHERES ESCOLHEM TANTO?!?!
Coisinhas inúteis:
- Se dinheiro falasse, o meu diria tchau.
- A mulher está sempre ao lado do homem para o que der e vier. Já o homem está sempre ao lado da mulher que vier e der.
- Bebo porque sou egocêntrico. Gosto quando o mundo gira ao meu redor.
-Se um dia sentir um enorme vazio dentro de você, vá comer! Pode ser fome.
- Mulher feia é como muro alto: primeiro dá medo, mas depois a gente acaba trepando...
- Se for dirigir, não beba. Se for beber, me chama!
- Sabe o que é a meia-idade? É a altura da vida em que o trabalho já não dá prazer, e o prazer começa a dar trabalho.

05 março 2004

Bananal Sem Tomates
1 - A Polícia Secreta

No país das bananas-light, onde não abundam os tomates, existia há muito tempo atrás, uma polícia secreta a que deram o nome de PIDE (Polícia Idiota Destituída de Esperteza). Mais tarde, acrescentaram-lhe à sigla as letras DGS (Dados, Gambuzinos e Sargetas).
Com o passar dos anos, o poder foi apodrecendo e nem a PIDE-DGS soube prever que o país ia ter uma Revolução.
Surgiu então o COPCOM (Comemos Ovos Podres Com Oregãos e Manteiga), que rapidamente se desfez por ser muito enjoativo e indigesto.
Alguns anos de ausência aparente de polícias secretas... até alguém se lembrar que havia um Departamento que dizia ser da tropa, mas cujos elementos fingiam ser civis.
Criaram então o SIS (Sempre Interessa Saber), que nunca se soube bem o que de útil terá feito desde a sua fundação, para além de constar haverem escondido algumas pistas que pudessem levar à condenação de algumas figuras públicas do regime.
O Bananal Sem Tomates (nome do país) acordou um dia com a revelação que há muito procurava. Afinal a sigla da Polícia Secreta é outra: MP (Mentes Perversas).
Esta entidade, sim... tinha alvos bem determinados e prometia funcionar melhor que todas as anteriores, com grandes vantagens: conseguia seleccionar "aleatoriamente" todos os opositores de quem governa. Convenhamos que para quem afirmava ser aleatório, a pontaria até surpreendeu o mais franganote bananês sem tomates.

(Este capítulo do Romance Histórico baseado na saga do Bananal Sem Tomates é da autoria do incrépido Maníaco Sem Raiva)

04 março 2004

PROCURO EMPREGO

numa das seguintes áreas:
- Assessoria nos Ministérios da Justiça ou da Defesa
- Deputado na Assembleia da República ou no Parlamento Europeu
- Especialista em Marketing político ou pessoal
- Administração hospitalar

EM REGIME DE FULL ou PART-TIME.

TENHO EXPERIÊNCIA EM:
- Remodelação do mobiliário da Faculdade de Direito
- Denunciar colegas em momentos estrategicamente importantes na minha progressão
- Curriculum vitae com alguns erros motivados por falta de memória
- Mudar de cor partidária de acordo com a disponibilidade de vagas
- Fazer falsas promessas a quem sofre de Alzheimer
- Manifestar-me religioso e solidário, e lançar o país numa guerra com quem não nos defende e contra quem não nos atacou.
Notas da blogosfera nacional

Temos de revelar algumas coincidencias com quem mijou na esquina em 30 de Janeiro deste ano. A sua análise sobre as diferenças... é quase totalmente coincidente com a nossa.

Por isso, daqui vai o nosso aplauso. Entretanto, pedimos a quem nos lê, que nos indique um detective que nos ajude a encontrar um actual governante ou assessor nacional com bons sentidos de:
- honestidade
- justiça
- honra
- rigor
- serviço público
- respeito pela dignidade humana
- respeito pelo eleitor e contribuinte
- respeito total pelas crianças e jovens e seu direito a um desenvolvimento íntegro
- contribuição pela paz nacional e mundial
- desenvolvimento do interior do país
- respeito pelos 1000 anos de história lusa
- reconhecimento pelo sentido de sacrifício demonstrado por uma população já anteriormente enganada por governos idênticos

Daqui vai o nosso cumprimento solene a quem mijanaesquina.

01 março 2004

Avelino Ferreira Torres: Um exemplo a seguir

Ele considera que:
- Podemos partir o que pagamos, sempre que precisarmos de descarregar o nosso desespero perante as injustiças
- Quem escolhe a arbitragem merece uns bons pontapés
- Os jornalistas são vesgos, mentirosos, atrevidos,...

Nós concordamos com ele e seguiremos o seu exemplo, como patriotas. Assim:
- Consideramos legítimo rebentar com os ministérios e bens públicos, porque nos sentimos injustiçados em matéria de impostos, rendimentos e regalias
- O Primeiro-Ministro merece uma grande biqueirada no traseiro, porque foi ele quem escolheu a Ministra das Finanças e todos os restantes membros do rebanho
- A autoridade policial é vesga porque só prende nos estádios quem é anónimo
- Os jornalistas são atrevidos porque se sujeitam a ser insultados por um Presidente da Câmara com sede de mediatização
- Todos somos mentirosos se continuarmos a pensar que vimos um Presidente da Câmara português a fazer papel de hooligan num campo de futebol que se chama "Avelino Ferreira Torres".
Visitors:

This page is powered by Blogger. Isn't yours?